Início    ACE    Biblioteca    Atas    Croquiteca    Links    Blogs    Fotos    Anúncios    Inscrição    Associados    Participantes
 Locais Detonados     Denuncie     Relate Acidente     Notícias     Fale Conosco     Área Restrita     Registrar Croqui 
"Se as coisas são inatingíveis... ora! Não é motivo para não querê-las... Que triste os caminhos, se não fora a presença distante das estrelas!" Mário Quintana

  Via Boa Noite Cinderela
Pedra dos Sonhos - Itarana
Catalogada por Gillan
Graduação:  D2 5º VIIa E2 
Tamanho:  185m 
Nº de enfiadas: 
Material necessário:  - 2 cordas de 55 m;
- 9 costuras (sendo 3 longas);
- Pelo menos 3 fitas para proteção natural;
- 1 jogo de Camalot C4 do #0.3 ao #6 (sendo o #5 e #6 utilizados apenas na segunda enfiada);
- Camalots C3 #1 e #2 (opcionais);
- Nuts pequenos e médios (opcionais). 
Data da conquista:  27/Mar/2016 
Conquistadores:  Gillan Muniz Schirmer  (Gillan)  Tel.27/9818.8007
Naoki Arima  (Naoki)
Da escalada:  Uma via bem protegida e limpa, compondo uma escalada completa com lances de agarras boas, cristais sólidos, fendas de oposição e travessia, passando próximo de grandes tetos com um belo visual. A via Boa Noite Cinderela termina na P6 que é a P5 em comum com a via Xixi Molhado e Sonho na Cama, sendo possível fazer cume a partir de uma destas vias.

A via fica na SOMBRA o dia todo (exceto no verão, quando a sombra é só até as 10h).

Aproximação:
Saindo de Vitória pegar a BR-101, sentido norte. Em Fundão, virar à esquerda, para a rodovia ES-261 em direção à Santa Tereza e seguir até Itarana (120 km). Na principal do centro de Itarana pegar para a direita na rua Dom Luís Scortegagna que leva em direção a rampa de voo José Bridi. Na bifurcação após uns 3 km pegue a direita (há uma pequena sinalização indicando a rampa de vôo). Percorridos aprox. mais 2 km, antes de iniciar uma subida íngrime, entrar a direita em frente a um curral na base de uma pedra passando por uma porteira e siga por essa estrada de acesso. Para um carro baixo de cidade, o ideal é estacionar ou na casa 500 metros depois da segunda porteira ou logo após a terceira porteira (tronqueira) que fica após a casa e seguir pela estrada caminhando passando por uma quarta porteira até visualizar a face sul da Parede dos Sonhos. Tempo de caminhada: 25 min.

ATENÇÃO: Há um totem montado num matacão do pasto indicando a entrada do caminho pela mata. Em seguida busque a trilha da mata demarcada por vários totens(info de 08/05/2016), passando por uma grota que vem de um rampão da rocha, em seguida margear esse rampão e voltar ao mato onde há um totem de cristal. Caminhar mais 5 min e chegar na base das vias Sonho Molhado, Vivendo o Sonho e Xixi na Cama, para então continuar a trilha mais um pouco, descendo e seguindo pela mata tentando margear a pedra até contornar um grande bloco e encontrar um totem montado pelos conquistadores. Tempo de caminhada na mata: 30 min.

Da Escalada:
As primeiras enfiadas não possuem chapas ou grampos, as proteções são naturais e em peças móveis.

1a enfiada, 30 m, 4º grau - inicia dominando algumas bancadas buscando a linha com proteções naturais em árvores até chegar a um diedro, possível de proteger com peças móveis, para então chegar a um platô com mato onde está a P1 natural em árvore;

2a enfiada, 25 m, 4º grau - segue pela direita por um curto trecho em chaminé (usar Camalots #5 e #6) para depois sair à esquerda pela face buscando o próximo platô com árvores à base de uma fenda de oposição na parede. Atenção ao escolher a árvore para montar parada, pois algumas estão bem frágeis;

3a enfiada, 35 m, 4º VII, crux - Segue pela fenda de oposição protegendo em móvel até a fenda estreitar em fissura e virar um diedro cego, quando então chega no trecho CRUX, de continuidade, por uma face com muitas agarras e bem vertical muito bem protegida em chapeletas (E1) e em caso de queda a mesma é limpa e sem riscos. É possível roubar alguns lances entre as chapas.

4a enfiada, 30 m, 6º grau, enfiada aérea e bem protegida - Sai da P3 protegendo em móvel pela fenda de oposição até um pouco antes da base do grande teto (BETA: reservar o camalot #2 para o final da fenda, antes da travessia), para então realizar uma travessia para a direita pela face protegendo em chapas, até chegar na P3 da via Xixi na Cama, onde é possível deixar os Camalots C4 do #4 ao #6 para escalar mais leve e pegá-los durante os rapéis, caso desça pelos rapeis mais indicados que são pela linha da via Xixi na Cama;

5a enfiada, 30 m, 4º VI - segue pela face de cristais sólidos à esquerda protegendo em chapas;

6a enfiada, 30 m, 4º grau - segue por uma fenda em oposição (BETA: proteger a saída com Camalot #1 numa parte da fenda horizontal) até uma virada (BETA: usar o Camalot C3 #2) quando depois o terreno perde inclinação e escala pela face (IIIº) protegendo em uma chapa até a parada (compartilhada com a via Xixi na Cama e Sonho Molhado).

A partir daí, o mais aconselhável é seguir a esquerda pela continuação da via Xixi na Cama, por mais duas enfiadas, para fazer cume evitando o trecho mais exposto da via Sonho Molhado.

Descida:
A parede possui várias vias próximas o que da margem a mais de uma opção de descida. A mais indicada é:

> P6 (Boa Noite Cinderela) -> P4 (P4 da Boa Noite Cinderela comum à P3 da Xixi na Cama): 55 m;
> P4 (Boa Noite Cinderela) -> desce reto para a P1, proteção fixa, da via Vivendo o Sonho: 55 m;
> P1 (Vivendo o Sonho) -> BASE: 50 m.

CONFIRA mais detalhes e fotos em: http://naokiarima.com/blogwp/croquiteca/es/itarana/pedra-dos-sonhos/
Fotos     Croqui     Veja quem escalou     Registre infos    


voltar pro início da página


voltar pro início da página


Naoki (Naoki Arima) 05/11/2019 16:18:27
   Finalizada


Gillan (Gillan Muniz Schirmer)   Tel: 27/98188007 14/05/2016 00:09:39
   Finalizada
voltar pro início da página


Se for inscrito no site clique aqui para fazer Login


Registre mais informações sobre a via
*Nome: 
Email: 
Telefone:   
Data:
    *Relato:
 
voltar pro início da página



©2003-2020  José Márcio M Dorigueto   -  Melhor visualizado em 1024x768