Início    ACE    Biblioteca    Atas    Croquiteca    Links    Blogs    Fotos    Anúncios    Inscrição    Associados    Participantes
 Locais Detonados     Denuncie     Relate Acidente     Notícias     Fale Conosco     Área Restrita     Registrar Croqui 
"Viajar talvez seja equivocar-se sobre o outro e aprender, com o distanciamento e com a comparação, algo mais sobre nós próprios!" Fernand Braudel

  Via Boa Noite Cinderela
Pedra dos Sonhos - Itarana
Catalogada por Gillan
Graduação:  D2 5º VIIa E2 
Tamanho:  185m 
Nº de enfiadas: 
Material necessário:  - 2 cordas de 55 m;
- 9 costuras (sendo 3 longas);
- Pelo menos 3 fitas para proteção natural;
- 1 jogo de Camalot C4 do #0.3 ao #6 (sendo o #5 e #6 utilizados apenas na segunda enfiada);
- Camalots C3 #1 e #2 (opcionais);
- Nuts pequenos e médios (opcionais). 
Data da conquista:  27/Mar/2016 
Conquistadores:  Gillan Muniz Schirmer  (Gillan)  Tel.27/9818.8007
Naoki Arima  (Naoki)
Da escalada:  Uma via bem protegida e limpa, compondo uma escalada completa com lances de agarras boas, cristais sólidos, fendas de oposição e travessia, passando próximo de grandes tetos com um belo visual. A via Boa Noite Cinderela termina na P6 que é a P5 em comum com a via Xixi Molhado e Sonho na Cama, sendo possível fazer cume a partir de uma destas vias.

A via fica na SOMBRA o dia todo (exceto no verão, quando a sombra é só até as 10h).

Aproximação:
Saindo de Vitória pegar a BR-101, sentido norte. Em Fundão, virar à esquerda, para a rodovia ES-261 em direção à Santa Tereza e seguir até Itarana (120 km). Na principal do centro de Itarana pegar para a direita na rua Dom Luís Scortegagna que leva em direção a rampa de voo José Bridi. Na bifurcação após uns 3 km pegue a direita (há uma pequena sinalização indicando a rampa de vôo). Percorridos aprox. mais 2 km, antes de iniciar uma subida íngrime, entrar a direita em frente a um curral na base de uma pedra passando por uma porteira e siga por essa estrada de acesso. Para um carro baixo de cidade, o ideal é estacionar ou na casa 500 metros depois da segunda porteira ou logo após a terceira porteira (tronqueira) que fica após a casa e seguir pela estrada caminhando passando por uma quarta porteira até visualizar a face sul da Parede dos Sonhos. Tempo de caminhada: 25 min.

ATENÇÃO: Há um totem montado num matacão do pasto indicando a entrada do caminho pela mata. Em seguida busque a trilha da mata demarcada por vários totens(info de 08/05/2016), passando por uma grota que vem de um rampão da rocha, em seguida margear esse rampão e voltar ao mato onde há um totem de cristal. Caminhar mais 5 min e chegar na base das vias Sonho Molhado, Vivendo o Sonho e Xixi na Cama, para então continuar a trilha mais um pouco, descendo e seguindo pela mata tentando margear a pedra até contornar um grande bloco e encontrar um totem montado pelos conquistadores. Tempo de caminhada na mata: 30 min.

Da Escalada:
As primeiras enfiadas não possuem chapas ou grampos, as proteções são naturais e em peças móveis.

1a enfiada, 30 m, 4º grau - inicia dominando algumas bancadas buscando a linha com proteções naturais em árvores até chegar a um diedro, possível de proteger com peças móveis, para então chegar a um platô com mato onde está a P1 natural em árvore;

2a enfiada, 25 m, 4º grau - segue pela direita por um curto trecho em chaminé (usar Camalots #5 e #6) para depois sair à esquerda pela face buscando o próximo platô com árvores à base de uma fenda de oposição na parede. Atenção ao escolher a árvore para montar parada, pois algumas estão bem frágeis;

3a enfiada, 35 m, 4º VII, crux - Segue pela fenda de oposição protegendo em móvel até a fenda estreitar em fissura e virar um diedro cego, quando então chega no trecho CRUX, de continuidade, por uma face com muitas agarras e bem vertical muito bem protegida em chapeletas (E1) e em caso de queda a mesma é limpa e sem riscos. É possível roubar alguns lances entre as chapas.

4a enfiada, 30 m, 6º grau, enfiada aérea e bem protegida - Sai da P3 protegendo em móvel pela fenda de oposição até um pouco antes da base do grande teto (BETA: reservar o camalot #2 para o final da fenda, antes da travessia), para então realizar uma travessia para a direita pela face protegendo em chapas, até chegar na P3 da via Xixi na Cama, onde é possível deixar os Camalots C4 do #4 ao #6 para escalar mais leve e pegá-los durante os rapéis, caso desça pelos rapeis mais indicados que são pela linha da via Xixi na Cama;

5a enfiada, 30 m, 4º VI - segue pela face de cristais sólidos à esquerda protegendo em chapas;

6a enfiada, 30 m, 4º grau - segue por uma fenda em oposição (BETA: proteger a saída com Camalot #1 numa parte da fenda horizontal) até uma virada (BETA: usar o Camalot C3 #2) quando depois o terreno perde inclinação e escala pela face (IIIº) protegendo em uma chapa até a parada (compartilhada com a via Xixi na Cama e Sonho Molhado).

A partir daí, o mais aconselhável é seguir a esquerda pela continuação da via Xixi na Cama, por mais duas enfiadas, para fazer cume evitando o trecho mais exposto da via Sonho Molhado.

Descida:
A parede possui várias vias próximas o que da margem a mais de uma opção de descida. A mais indicada é:

> P6 (Boa Noite Cinderela) -> P4 (P4 da Boa Noite Cinderela comum à P3 da Xixi na Cama): 55 m;
> P4 (Boa Noite Cinderela) -> desce reto para a P1, proteção fixa, da via Vivendo o Sonho: 55 m;
> P1 (Vivendo o Sonho) -> BASE: 50 m.

CONFIRA mais detalhes e fotos em: http://naokiarima.com/blogwp/croquiteca/es/itarana/pedra-dos-sonhos/
Fotos     Croqui     Veja quem escalou     Registre infos    


voltar pro início da página


voltar pro início da página


Naoki (Naoki Arima) 05/11/2019 16:18:27
   Finalizada


Gillan (Gillan Muniz Schirmer)   Tel: 27/98188007 14/05/2016 00:09:39
   Finalizada
voltar pro início da página


Se for inscrito no site clique aqui para fazer Login


Registre mais informações sobre a via
*Nome: 
Email: 
Telefone:   
Data:
    *Relato:
 
voltar pro início da página



©2003-2020  José Márcio M Dorigueto   -  Melhor visualizado em 1024x768