Início    ACE    Biblioteca    Atas    Croquiteca    Links    Blogs    Fotos    Anúncios    Inscrição    Associados    Participantes
 Locais Detonados     Denuncie     Relate Acidente     Notícias     Fale Conosco     Área Restrita     Registrar Croqui 
"Cada pessoa pensa como pode..." Mário Quintana

  Via Draconiana
Pedra Dragão do Norte - Boa Esperança
Catalogada por Sandro
Graduação:  D3 6º VIIa E2 
Tamanho:  350m 
Nº de enfiadas: 
Material necessário:  Duas cordas 60m.
14 costuras.
4 Fitas longas.
Material para paradas. 
Data da conquista:  15/Abr/2017 
Conquistadores:  Rogério Costa Faria  (Rogério)  Tel.27/9939.1299
Sandro Rodrigo Aniceto de Souza  Tel.27/9227.0048
Da escalada:  Acesso:

Partindo do centro de Boa Esperança zere o odômetro e siga para o interior pela ES 315. Passe pela localidade de St Antônio do Pouso Alegre e depois por mais um lugarejo. A 20,1 km (no ponto 24K 352160E 7959061N) saia da estrada de asfalto para a direita e siga por uma boa estrada de terra que ruma direto para a pedra. Siga reto em uma encruzilhada, ignorando as opções de estrada melhor e adentrando uma estradinha auxiliar dentro de um seringal. Quando essa estradinha encontrar uma plantação de eucalipto que circunda a pedra, vá para a esquerda. Estacione o carro quando a faixa de árvores que estará à direita ficar tão estreita que seja possível ver a pedra. Encontre o inicio da trilha, e siga reto por uns 30m até tocar na pedra. Vá para a esquerda. Essa trilha é usada por motoqueiros da região e por isso é bem aberta. Siga pela trilha ignorando duas saídas para a esquerda que levam a um lajedo. A trilha segue com pouco sobe e desce até a travessia de uma calha de água de chuva de altura expressiva. Após a subida do outro lado dessa calha, logo na próxima curva para a esquerda, antes de começar outra descida expressiva, saia da trilha para a direita e vare o mato, se aproximando da pedra gradativamente, e tangenciando ela até encontrar a primeira chapeleta.
Se for necessário pedir informações, use como referencia a Pedra da Botelha que fica ao lado.

A escalada:

A via é toda protegida por chapeletas de aço inox da Bonier. Nas paradas foram usadas uma chapeleta “DuPla” e uma “PinGo”.
1º Esticão: Pode ser que a saída esteja escorregadia pela umidade da mata.
2º Esticão: Alongue bem a terceira costura e retifique a passagem da corda tirando ela de trás de moitas.
3º Esticão: Alongue as primeiras costuras considerando a linha da canaleta que estará para a direita mais acima. A técnica de oposição parecida com o que se usa em chaminés, e algum entalamento de pés, serão úteis na canaleta.
4º Esticão: Alongue as costuras iniciais, principalmente a terceira e a quarta. A oposição citada antes será muito útil, associada a passadas em aderência. O grau foi sugerido devido à constância das passadas delicadas. É bem protegido.
5º Esticão: A via tende para a direita e contorna algumas moitas. Talvez não dê para ver alguma chapeleta.
6º Esticão: Sobe reto. A segunda chapa só é visível de perto. Lances fáceis com apenas duas barrigas mais inclinadas. Da P6 é possível ir para o cume tocando reto por um último lance de uns 2m entre as chapas até uma arvorezinha robusta, ou caminhando para a esquerda pelo platô buscando as menores inclinações.
O livro de cume está em uma parte plana na borda da mata, no lado voltado para a Pedra da Botelha. O cume mesmo está a poucos metros mata adentro.

Rapel:

De parada em parada com duas cordas de 60m. Único detalhe é tocar reto para o chão no último rapel ao invés de seguir pela linha escalada.

Observações:

A via fica na aresta nordeste e pega sol o dia inteiro. Leve bastante água e se proteja do sol. Durante a conquista pegamos chuvas passageiras, por isso sugiro levar um anorak leve.
Fotos     Croqui     Veja quem escalou     Registre infos    


voltar pro início da página


voltar pro início da página


Sandro (Sandro Rodrigo Aniceto de Souza)   Tel: 27/92270048 30/04/2017 14:26:05
   Finalizada   Em:15/04/2017
voltar pro início da página


Se for inscrito no site clique aqui para fazer Login


Registre mais informações sobre a via
*Nome: 
Email: 
Telefone:   
Data:
    *Relato:
 
voltar pro início da página



©2003-2020  José Márcio M Dorigueto   -  Melhor visualizado em 1024x768