Início    ACE    Biblioteca    Atas    Croquiteca    Links    Blogs    Fotos    Anúncios    Inscrição    Associados    Participantes
 Locais Detonados     Denuncie     Relate Acidente     Notícias     Fale Conosco     Área Restrita     Registrar Croqui 
"As pessoas que não podem perder um minuto na vida estão irremediavelmente perdidas. O que vale na vida é o tempo de quem somos Senhores." Heitor Humberto de Andrade

  Via Corrente Alternada
Totem do Sumidouro - Santa Leopoldina
Catalogada por Naoki
Graduação:  4o, V, E2, D1 
Tamanho:  80m 
Nº de enfiadas: 
Material necessário:  2x Camalot médio até #5;
3 costuras;
Muitas fitas longas;
2 cordas de 60m 
Data da conquista:  14/Jan/2018 
Conquistadores:  Naoki Arima  (Naoki)
Pedro Henrique Pires Ferreira  (Graveto)  Tel.27/8833.3922
Da escalada:  O Totem do Sumidouro está localizado na saída da cidade de Santa Leopoldina em direção a Santa Maria do Jetibá. Para chegar até a cidade de Santa Leopoldina, tome a ES-080 cruzando a cidade de Cariacica. De Vitória até Santa Leopoldina são aproximadamente 60km.

Na cidade de Santa Leopoldina siga sempre pela avenida principal em direção a Santa Maria do Jetibá (sinalizado). Antes de cruzar o Rio Santa Maria, no famoso sumidouro, tome à esquerda, sem cruzar a ponte, por uma estrada de paralelepípedo até chegar na base do totem. Uma boa referência para estacionar o carro é a via ferrata que fica junto à estrada. Do centro da cidade até a base da via são aproximadamente 2km.

Da estrada até a base da via são pouco mais de 20m pela mata até a base do totem.

1a enfiada - A via começa no lado esquerdo do totem por um diedro bem definido. Logo acima, o mesmo fica mais largo e vertical, nesse trecho, a melhor opção é contornar pela laca em invertida para ganhar o lance. Mais acima, a oposição vira uma chaminé estreita até alcançar a base de um grande bloco. Neste ponto, saia pela direita vencendo um pequeno teto e siga pela chaminé larga até o topo do bloco, onde fica a P1, laçando o bico de pedra. Usar muita fita longa para minimizar o atrito. Para parada, usar uma fita de 2,4m + 1,2m. Usar: 1x Camalot #.4, 2x #.75, 1x #1, 3x #4, 2x #5.

2a enfiada - A via segue pela oposição protegida com peças médias e grandes até abrir numa chaminé estreita obstruída pela vegetação. Neste ponto há uma chapa de inox e logo acima, na aresta, mais uma chapa que leva para fora da oposição em direção à face do totem. Após a virada, onde fica o crux da via, há mais uma chapa. Após a terceira chapa, a via segue à direita em buscar de uma fenda vertical que leva em direção a uma grande árvore, onde fica a P2.

3a enfiada - Na verdade essa enfiada não é bem uma enfiada, mas uma escalaminhada para parada onde fica a linha de rapel. A parada para o rapel está à esquerda do totem ao final de uma pequena travessia fendada.

Rapel - Desta parada, um rapel de 60m em diagonal leva à base da torre de alta tensão desativada. Dali, usando um dos degraus da ferrata, monta-se outro rapel de 20m até a estrada.

+infos em http://naokiarima.com.br/croquiteca/es/regiao-serrana/totem-do-sumidouro-corrente-alternada-4o-v-d1-e2-80m/
Fotos     Croqui     Veja quem escalou     Registre infos    


voltar pro início da página


voltar pro início da página


Naoki (Naoki Arima) 05/11/2019 16:21:22
   Finalizada
voltar pro início da página


Se for inscrito no site clique aqui para fazer Login


Registre mais informações sobre a via
*Nome: 
Email: 
Telefone:   
Data:
    *Relato:
 
voltar pro início da página



©2003-2020  José Márcio M Dorigueto   -  Melhor visualizado em 1024x768