Início    ACE    Biblioteca    Atas    Croquiteca    Links    Blogs    Fotos    Anúncios    Inscrição    Associados    Participantes
 Locais Detonados     Denuncie     Relate Acidente     Notícias     Fale Conosco     Área Restrita     Registrar Croqui 
"As pessoas passam a vida toda dizendo que não têm tempo, que estão ocupadíssimas, quando, na verdade, estão é com medo de abrir espaço em sua vida para enfretar o tempo, porque se defrontar com o tempo é se defrontar verdaddeiramente consigo mesmo." Bodil

  Via Recanto do Mestre
Pedra do Recanto - Serra
Catalogada por Baldin
Graduação:  4º Vsup E2 D1 
Tamanho:  150m 
Nº de enfiadas: 
Material necessário:  10 costuras (5 longas)
02 cordas de 60 metros (para possibilitar o rapel) 
Data da conquista:  22/Ago/2018 
Conquistadores:  José Augusto Brunoro Costa  (Brunoro)  Tel.27/9801.1945
Oswaldo Cruz de Almeida Junior  (Baldin)  Tel.27/9998.4485
Zudivan Peterli  (Zudi)  Tel.27/9243.0159
Da escalada:  Essa via é uma boa opção de escalada tradicional da região da Grande Vitória. A pedra fica localizada na área do Sítio Recanto Mestre Álvaro, que possui restaurante (aberto aos finais de semana). O melhor horário para escalar é pela manhã.

ESCALADA: Uma rampa de 60 metros conduz até uma parte mais alta da parede, de onde se dá a base da via. Essa rampa pode ser subida facilmente em solo, sendo recomendável que seja de sapatilha. Dá para instalar a corda (de 60m) numa árvore ao final dela para facilitar a subida dos demais. Após a árvore, caminhe por entre rocha e vegetação saindo à esquerda e depois reto e, chega-se então na base da via. A primeira enfiada (60m) segue em agarrência, bem protegida, e ao final dela existe uma barriga onde está o crux (Vsup) bem protegido, sendo também possível passar em artificial (A0). A segunda enfiada (30m) é uma escalaminhada que leva à parede vertical que forma o topo da pedra. A saída da terceira enfiada se dá à direita dessa parede, em diagonal, e quase ao final está um lance mais técnico (IVsup) também bem protegido. O livro de cume encontra-se debaixo de lacas logo à esquerda da última parada. A via é toda protegida por chapeletas de inox Pingo da Bonier, cujas paradas já possibilitam o rapel diretamente nelas. No meio da terceira enfiada existe uma parada opcional, que pode ser usado para dividir a enfiada em duas partes diminuindo arrasto de corda e, fracionar o rapel em duas partes para facilitar a recuperação da corda.

ACESSO: Uma das opções de acesso pode ser, partindo da rodoviária de Vitória, seguir sentido Cariacica pela BR262, e no viaduto (em frente ao Shopping Moxuara) tomar à direita, entrando e seguindo então pela BR101, a Rodovia do Contorno. Vai indo... e atente-se que, ao passar um "areal"/pátio de escória à esquerda, sairá da rodovia e entrará na primeira saída à esquerda. Siga pela estrada de terra, e numa bifurcação ignore a subida à esquerda e siga reto, passando por um centro de detenção, e uns quilômetros adiante chegará ao Sítio Recanto Mestre Álvaro, com a evidente Pedra do Recando. Dá para estacionar na área de estacionamento do sítio, mas não deixe de pedir permissão para o acesso. Desse ponto é caminhar poucos metros pela estrada, até uma espécie de curral, atravessar a tronqueira e seguir pelo pasto limpo (uns 20 min.), mas que só ao final tem uma estreita faixa de capim alto para se chegar à rocha.

Maiores informações em: http://www.oswaldobaldin.com.br/2018/09/recanto-do-mestre-nova-opcao-na-grande.html

Essa conquista foi realizada com apoio da Bonier nas chapeletas, e da Associação Capixaba de Escalada no subsídio dos parabolts.
Fotos     Croqui     Registre infos     Veja mais Infos


voltar pro início da página


voltar pro início da página


Se for inscrito no site clique aqui para fazer Login


Registre mais informações sobre a via
*Nome: 
Email: 
Telefone:   
Data:
    *Relato:
 
voltar pro início da página


Infos de quem escalou a via
Outra maneira de chegar no sítio é no sentido Serra Sede. É só seguir as placas que indicam o Campo de Golf que logo aparecerá a placa indicando o caminho do sítio. A estrada está toda pavimentada.
Se for escalar apenas uma dupla dá para deixar uma corda na P1 e evitar de carregar peso para cima porque os primeiros rapeis dá para fazer de 30 em 30 m. Somente o último é de 60 m.
No croqui a última enfiada mostra duas chapas. Na realidade essa enfiada tem 4 chapas. Depois de costurar a 4 chapa contorne pela pela direita e volte p direção da linha da via que logo verá a parada.
A via é bem legal. Vale super a pena, ainda mais sendo bem perto.
A comida do sítio é muito boa. O almoço é no fogão a lenha e servido até as 15h.
O restaurante funciona de sexta a domingo e nos feriados nacionais.
O dono da propriedade o Sr. Gil é bastante receptivo.

Data de referência: 06/10/2018.
Janaina Depianti   Telelefone: 27/998243471 06/10/2018 15:55:31
voltar pro início da página



©2003-2020  José Márcio M Dorigueto   -  Melhor visualizado em 1024x768